RioHarp Festival VIII: Um sucesso!

Burning Symphony - RioHarp Festival VIII - Foto: Sergio Ricardo

Como muitos acompanharam, a Burning Symphony esteve no VIII RioHarp Festival, Rio de Janeiro, nos dias 18 e 19 deste mês. Estavam programados dois concertos, porém, devido ao sucesso de público, foram necessárias mais duas sessões, para atender a demanda! Sendo assim, a banda se consagra na cidade do Rio de Janeiro, lançando o CD “Ashes to Ashes”, com muita procura e muitos elogios pelo trabalho apresentado.

A resposta foi imediata em nosso site, comunidades e a reação do público solicitando autógrafos, fotos, interagindo de forma carinhosa e inesquecível aos músicos que se dedicaram para as suas apresentações, consideradas impecáveis por grande parte dos que estiveram presentes nos quatro concertos.

A organização do festival, sob o comando do Sr. Sérgio da Costa e Silva, Diretor de “Música no Museu” – VIII RioHarpFestival, segue em performance irretocável junto com a sua equipe de profissionais comprometidos com o sucesso de todos, levando mais de 116 concertos durante o mês de maio até o dia 04 de junho, em 95% dos eventos realizados na cidade do Rio de Janeiro, estendendo-se para Minas Gerais, São Paulo e Santa Catarina. Com intuito de divulgar a Harpa, apresentam-se harpistas de 26 países, como: Canadá, USA, Holanda, Bulgária, Suíça, Portugal, Rússia, Japão, França, Taiwan, Moldávia, Tailândia, Austrália, entre outros. O mesmo acontece em espaços turísticos da cidade, como a Ilha Fiscal, Corcovado, Jóquei Clube, Biblioteca Nacional, CCBB, Real Gabinete Português de Leitura, Forte de Copacabana, Igrejas e Sinagogas, além dos espaços já definidos de Música no Museu.

Enfim, só temos que agradecer ao “Música no Museu” – VIII RioHarpFestival e sua equipe, pela visibilidade e projeção que concede aos artistas. Agradecer ao nosso público que na maioria esteve lá para nos assistir, aos técnicos de som, equipe de apoio do Forte de Copacabana, ao nossos amigos que aqui ficaram e aos nossos patrocinadores e apoiadores culturais.

Não haveria sucesso sem essa sinergia e vontade de todos para que tudo desse certo. E deu certo, foi um sucesso!

*Fotos oficiais, aqui.
*Mais fotos e vídeos, em nossa página oficial.